Receitas de Nigella Lawson Christmas at home

Loading...

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Inauguração Espaço J&M Gourmet



Um dos espaços explorados pela equipe J&MGourmet









Inauguração do espaço Gourmet







Vamos à sua casa ao seu negócio ao seu evento levar gratuitamente canapés e lanches Gourmet , preços muito em conta em relação ao mercado existente.
Damos a possibilidade de escolha consoante quer gastar.
Fazemos todo o serviço, incluindo arrumação e limpeza de espaço Gourmet na sua empresa.
LIGUE JÁ E COMBINE CONNOSCO:
219435552 
925178137
967404671



 Cada corpo è individual e não existe um cardápio fixo para todos, no J&M Gourmet vamos ao encontro do que você è porque afinal você é o que come.




















 

 

 




                               

                                       









.
Pudim de Batata Doce

Tarte de Maçã e outras...

Pudim de Pão








No J&M GOURMET a alimentação saudável procura lhe dar a saúde.


MasterChef Júnior

A Gêmea de Isabella, Sofia, ganhou 5.000 dólares ficando entre os quatro primeiros, trazendo ganhos totais dos gémeos para US $ 20.000, mantidos em um fundo de poupança.
A vencedora do MasterChef Júnior foi a Isabella planeia gastar seu prêmio em dinheiro em uma viagem para a Itália e ter o seu próprio restaurante.

A estudante de Queensland foi coroada MasterChef júnior a primeira da Austrália depois de derrotar sua própria irmã gêmea.

"Esperamos dividir o dinheiro e poupar para ira à Itália porque eu nunca fui, e eu realmente quero ir com minha família inteira, e colocar algum dinheiro de parte para o nosso restaurante, porque isso é um grande sonho nosso", disse Isabella, A Daily Telegraph .

Viajante Gourmet: E os melhores restaurantes do mundo (em 2011) são….






O melhor, o top, o rei de todos os restaurantes do mundo fica na Dinamarca, em Copenhagen e se chama Noma!

Seguindo o estilo da alta gastronomia atual, com o uso de muitas técnicas de vanguarda, o restaurante procura usar a influência nórdica, utilizando essencialmente produtos locais de forma inovadora. Essa característica até virou um movimento: New Nordic Cuisine ( ou nova cozinha nórdica). O local do restaurante, num antigo armazém do século XVIII, todo reformado, ficando com um cara contemporânea, mas ainda com algumas característica locais, reflete esse estilo da cozinha também.
O ranking, feito pela revista inglesa Restaurant Magazine, conta com 50 nomes de restaurantes do mundo, escolhidos por um júri 806 chefs, escritores e críticos gastronômicos.


Em 2º  lugar, agora sim, vem os espanhóis: o El Celler de Can Roca, na cidade de Girona




em 3ª Lugar temos o Mugaritz, em Errenteria, na região do País Basco.



 Ambos, usam as novas técnicas contemporâneas de espumas, desidratação, cozimento lento, etc.
Em 4º  lugar, um italiano, o Osteria Francescana, em Modena, 



Em 5º lugar o inglês The Fat Duck, do chef celebridade Heston Blumental, em Berkshire




também usam técnicas revolucionárias, mas parecem servir porções mais substanciosas.





“a real beleza é aquela que vem de dentro”,
LIGUE JÁ 967404671

Hoje em dia em Lisboa perto do Intendente, Martim Moniz já podemos encontrar uma ou outra loja asiática com a matéria prima desejada para uma serie de sabores um pouco mais exóticos do que aquelas típicas iguarias fantásticas que já conhecemos.
Entre estas uma das nossas experiências que correu muito bem e com um sabor delicioso foi o famoso Caril Vermelho de Pato da Tailândia  

Convidamos-a(o)
Quantas vezes pensa em fazer aquele jantar diferente e original e não tem tempo?
Procurar a receita certa...
A corrida ao super-mercado...
Os ingredientes que não consegue arranjar...
Os preços loucos e o trabalho não compesam.
Durante a semana ou ao fim de semana os filhos ou o trabalho limita-a(o) de conseguir o sucesso esperado...
A louça por lavar e os tachos a acumular...
A campainha a tocar e os convidados a chegar...
E as bebidas fresca...esqueci-me de comprar... 
O vestido para vestir e maquilhagem para colocar...
E atenção aos seus convidados? 
No fim, A cozinha que fica desarrumada e mais uma vez a louça por lavar...
O J&M Gourmet esta equipe de dois profissionais levam tudo, e tratam de tudo...sim de tudo

deixe tudo connosco:
A entrada
o prato principal 
a sobremesa

pode escolher se quiser...
as bebidas,
a toalha de mesa,
e os guardanapos de pano,
no fim trazemos tudo para lavar...
rápido e muito mais barato para sí...  

Faço-lhe um desafio 
Aventure-se nesta nova forma de bem servir...afinal nada como experimentar...

Preços muito acessíveis com muito bom Gosto
Ligue já: Chefe José Gomes e Miguel Monteiro
                967404671
                925178137
                219435552
                jag6501@hotmail.com

Chefe J. Gomes






Cozinheiro de 1ª M. Monteiro




Chá Gourmet vira moda em São Paulo -Brasil

Lojas que vendem chá para ser preparado em casa ou consumido no local viraram tendência em São Paulo. Na The Gourmet Tea, a embalagem com 45 gramas sai por R$ 23,90 (Foto: Tadeu Brunelli/Divulgação)
Uma nova moda gastronômica vem se popularizando em São Paulo: o consumo de chás gourmet em casas especializadas. Nos últimos 12 meses, cinco lojas neste perfil abriram suas portas em São Paulo para servir a bebida, em um ambiente ao estilo das cafeterias. O serviço costuma ter funcionários treinados para descrever aromas, misturas (blends) e caprichar na forma de preparo. A modinha tem agradado os conhecedores da bebida e conquistando os iniciantes.
“Agora é a vez dos chás. Já tivemos a moda dos vinhos, a do café gourmet e a dos chocolates, que passaram a ser classificados pelo percentual de cacau. Desta vez, as pessoas estão criando interesse pelos chás gourmet, pelos aromas e acessórios para o preparo”, analisa Monica Renno, uma das sócias da loja Talchá, inaugurada no final de 2010, na região central de São Paulo.
Variedades
O boom nesse setor tem agradado consumidores como a arquiteta Lina Idoeta, de 28 anos. Ela conta que toma chá desde criança e que a popularização da bebida pode trazer mais opções no mercado. As lojas costumam ter 30, 50, até 70 ou mais opções, entre chá verde, branco, preto e infusões diversas. Os produtos são importados e vêm de dezenas de países, a maioria na Ásia e na África
“Tenho vários tipos em casa e tomo todo dia. O que eu mais gosto é de experimentar novas opções”, conta a arquiteta, que faz parte do time dos que não encaram o chá como sinônimo de remédio. “Adoro um que tem camomila, mel e baunilha. É uma delícia”, detalha.
 

Sem comentários:

Enviar um comentário